Imprudência..

As vezes me considero imprudente, por te olhar...
De certa forma,   um código ...
Um sinal que apenas nos reconhecemos...

Imprudência que denúncia!
Me entregam , de tal forma!
Que esqueço que existe o amanhã!

Me fazem desejar a chuva!
Desejar você, na chuva, molhada, em meus braços..
Bebendo teus lábios, matando a sede dos meus sentimentos...

Grito!
Esse momento não pode acabar!
Não quero o amanhã!

Quero você! Sim você!
Um desejo impossível!?
Eu sei, sou imprudente, me denuncio num simples olhar...

Deixe-me te olhar!
Mostrar o que sinto, entregar ao você o melhor de mim...
Mate a sede de meus sentimentos, aceite apenas me amar... Beije meus lábios...




Postagens mais visitadas deste blog

Sexo ou amor, tudo junto e misturado?!

A parede, o martelo a vida, não e sim...